Horario Nobre, Centralizador de Conteúdo
Bem vindo
Login / Registrar

Bob Fernandes / Indignação, espanto: “Oh, justiça parcial!”. Como podem ser tão hipócritas.

Carregando...

Obrigado! Mostre para seus amigos!

URL

Você detestou este video. Obrigado pela sua opinião!

Sorry, only registred users can create playlists.
URL


Adicionado em by in Jornal da Gazeta Cotidiano
6 Visualizado

Descrição

Desde sempre Caixa 2 era de lei para políticos, marqueteiros. E sempre, claro, acusando adversários por corrupção.
Tancredo, pela democracia, nadou em Caixa 2. Numa eleição em que Maluf, pela ditadura, pagou tanto quanto.
O inquérito-mãe da PF nos anos Collor tinha 100 mil páginas. Mais de 400 empresas e 100 empresários investigados... Tudo prescreveu.
O governo FHC comprou na emenda da reeleição. E vendeu a Telefonia, R$ 22 bilhões, com gente embolsando... Deu em nada.
"Mensalões". Pro PT deu muita cadeia. Mas nasceu no PSDB, em 98. Só Azeredo, 20 anos depois, paga.
Cerveró entregou: "Brasken é escândalo do governo Fernando Henrique". Silêncio. Silêncio quando Emilio Odebrechet entregou: "Todos esses poderes e imprensa sabiam", há décadas.
Palloci ameaçou: entregaria bancos e Mídias. Juiz e Mídias fingiram não ouvir. No julgamento de Marin, em Nova York, delações: propina de US$ 15 milhões pelas Copas 2026/ 2030.
Propina em 2002 e 2006 informaram procuradores suíços. Está no livro de Jamil Chade. Estrondoso o silêncio.
Desde CBD a CBF é antro. Quem não foi pra cadeia se exilou no Brasil. Intocáveis. O assunto é tabu. Por quê?
Moro agiu fora da lei, disseram Ministros do Supremo...Silêncio. Nas manchetes a parceria, política.
Por anos cobrado aqui: "Tudo, todos estão nos computadores e dados das empreiteiras...
... escolher quem investigar, ou poupar, trará desencanto, desesperança... e virão fascistas quando, tardiamente, a podridão toda vier à tona". Veio. E eles vieram.
Políticos com milhões na Suíça, no Brasil. Para os de sempre a justiça remancha. E prescreve.
Para os suspeitos de sempre, mesmo sem contas, cadeia, humilhação. E o ódio do moralismo de viseiras, de classe.
O Brasil voltando ao Mapa da Fome. Pelas ruas, humanos como mulambos. País a venda, entregue a quadrilhas. Silêncio dos que se diziam indignados.
Só agora barulho, indignação bufa. Berrada pelas vozes de sempre diante da "súbita" descoberta:... juiz... justiça parcial...
Como podem ser tão hipócritas? Como conseguem olhar no espelho?

Envie um Comentário

Comentários

Seja o primeiro a comentar
RSS